25 de ago de 2008


Acabou as Olimpíadas, sendo assim eu volto a dormir. No saldo geral, a medalha que eu mais queria veio. Sim, o ouro no vôlei feminino. Cheguei até a não lamentar tanto a derrota do masculino (lamentei, mas não tanto) porque assim a medalha inédita das meninas é ainda mais comemorada. Depois pensei que era meio mesquinho esse meu pensamento. Ou então eu estava tentando não ficar muito triste com a derrota dos meninos para os EUA (eu odeio perder para os EUA). Mas seja como for. Fiquei feliz demais com a vitória das meninas do vôlei e do Zé Roberto, técnico da seleção que me ensinou a amar voleyball (Barcelona 92).

Nenhum comentário: